Segunda, 31 Maio 2021 11:04

IAB repudia atos de violência da PM de Pernambuco 

O Instituto dos Advogados Brasileiros (IAB), por meio de nota assinada pela presidente nacional, Rita Cortez, e pelo representante institucional do IAB em Pernambuco, Fábio Túlio Barroso, repudiou a ação violenta da Polícia Militar contra participantes da manifestação pacifica realizada em Recife (PE), no último sábado (29/5). Para o IAB, “a repressão aos direitos fundamentais é intolerável em um Estado Democrático de Direito”. No documento, o Instituto exige do governador Paulo Câmara “apuração transparente e imediata do ocorrido, com o enquadramento legal dos envolvidos nos atos de barbárie, respeitado o devido processo legal”. 

Leia a íntegra da nota: 

Nota de repúdio aos atos de violência da PM de Pernambuco 

O Instituto dos Advogados Brasileiros (IAB) vem a público manifestar seu repúdio aos atos violentos perpetrados pela Polícia Militar de Pernambuco durante manifestação pacífica realizada em Recife, em 29 de maio de 2021.  

A repressão aos direitos fundamentais é intolerável em um Estado Democrático de Direito. O tempo do arbítrio e da violência de Estado remete à memória das páginas mais sombrias da história do País.  

O IAB se solidariza com a sociedade pernambucana e exige do governador do estado, Paulo Câmara, apuração transparente e imediata do ocorrido, com o enquadramento legal dos envolvidos nos atos de barbárie, respeitado o devido processo legal. 

Rio de Janeiro, 31 de maio de 2021. 

Rita Cortez
Presidente nacional do IAB

Fábio Túlio Barroso
Representante institucional do IAB em Pernambuco