Quarta, 12 Dezembro 2018 14:04

Claudio Lamachia é agraciado pelo IAB com a Medalha Luiz Gama

Da esq. para a dir., Antonio Oneildo, Felipe Sarmento, Rita Cortez, Claudia Lamachia e Sydney Sanches Da esq. para a dir., Antonio Oneildo, Felipe Sarmento, Rita Cortez, Claudia Lamachia e Sydney Sanches Foto: Eugenio Novaes/CFOAB

A presidente nacional do Instituto dos Advogados Brasileiros (IAB), Rita Cortez, homenageou o presidente do Conselho Federal da Ordem dos Advogados do Brasil (CFOAB), Claudio Lamachia, nesta terça-feira (11/12), na sede da OAB, em Brasília, durante a sessão do Conselho Pleno, com a Medalha Luiz Gama. Desenhada especialmente para o IAB por Oscar Niemeyer, em 2009, aos 101 anos de idade, a comenda é destinada aos que atuam em defesa do estado democrático de direito. Após prestar a homenagem, Rita Cortez agradeceu ao CFOAB pela recepção que recebeu desde a sua eleição para a presidência do IAB, em maio deste ano, e destacou a importância da parceria entre as duas entidades.

“Não há democracia onde não há sociedade. O IAB e a OAB são instituições reconhecidas pela sociedade brasileira. Por isso, temos a obrigação de atuar pela diminuição das desigualdades sociais”, afirmou a presidente do IAB, ao entregar a medalha. A trajetória do rábula que dá nome à comenda do IAB também foi reconhecida pela Ordem. Em 2015, o Conselho Federal concedeu o título póstumo de profissional da advocacia a Luiz Gama. Foi um ato em homenagem àquele que, nascido em 1830, na Bahia, permaneceu analfabeto até os 17 anos, mas como autodidata conquistou judicialmente a própria liberdade e atuou na advocacia em favor da abolição da escravatura.